Home » Causas e Sintomas » Ejaculação precoce: Quais as causas
Ejaculação precoce: Quais as causas

Ejaculação precoce: Quais as causas

A ejaculação precoce é um problema que a maioria dos Homens já experienciou pelo menos uma vez ao longo das suas vidas. Este distúrbio, tanto pode ocorrer durante o acto sexual em si, como  durante a masturbação e pode afectar Homens de todas as faixas etárias, independentemente do seu estado de saúde, uma vez que a ejaculação precoce não é, necessariamente, sinónimo de doença, e pode facilmente manifestar-se individuos perfeitamente saudáveis.

Antes de mais, é preciso entender que a ocorrência de uma ejaculação precoce, só por si, não é motivo para preocupações. Quando manifestada de forma muito ocasional, esta complicação pode ser considerada como perfeitamente normal e inofensiva. O verdadeiro problema surge quando a ejaculação precoce começa a ocorrer  com regularidade. Apenas aí será justificável preocupar-se e começar a pensar em procurar ajuda.

Quais as causas da ejaculação precoce?

Os factores que potenciam a ocorrência da ejaculação precoce ainda não foram estudados muito aprofundadamente, o que faz com que este seja um problema para o qual ainda existam muitas questões por esclarecer. No entanto, pelo que se tem vindo a apurar até hoje, tal como acontece com a impotência sexual, as causas da ejaculação precoce podem ser físicas ou psicológicas, estimando-se que a maior parte dos casos se devam a complicações do foro psicológico, e não possuam qualquer tipo de correlação com disfunções físicas.

Factores psicológicos

Entre os factores psicológicos que mais contribuem para potenciar este problema encontram-se a ansiedade, o stress e os problemas no relacionamento.

Neste âmbito, a ansiedade surge, habitualmente, como resultado da falta de confiança e é mais comum entre individuos com pouca experiência sexual. O medo de não desempenhar devidamente o seu papel na cama é um factor de grande preocupação para muitos Homens, o que pode originar cenários de ejaculação precoce.

O stress causado pelo excesso de trabalho, falta de descanso e preocupações laborais e familiares também podem prejudicar o desempenho sexual em praticamente todos os níveis.

Ainda que o stress e a ansiedade desempenhem um papel de revelo na ocorrência deste problema, por vezes o mesmo surge, unicamente, como consequência de uma relação disfuncional, uma vez que os problemas entre um casal tendem a contribuir para um desempenho sexual pouco satisfatório por ambas as partes.

Factores físicos

Ainda que a ejaculação precoce se destaque como um problema primordialmente físico, a realidade é que também existe a possibilidade do mesmo ser originado por outras disfunções biológicas. Entre elas, destacamos a disfunção hormonal, distúrbios da tiróide, complicações no sistema nervoso e até anomalias no sistema ejaculatório.

Como tratar a ejaculação precoce?

O tratamento da ejaculação precoce irá variar imenso consoante as causas da mesma. Se a origem do problema for físico, então é muito provável que lhe sejam recomendadas umas sessões de terapia sexual. Poderá, também, ter de se sujeitar a medicação e a psicoterapia, dependendo da severidade do problema e do impacto que o mesmo esteja a exercer na sua vida.

Caso as causas sejam físicas, então é possível que tenha de se submeter à medicação necessária para o tratamento do problema que esteja a contribuir para a ejaculação precoce.

Existem, também, algumas técnicas comummente utilizadas para retardar a ejaculação. Uma delas é masturbar-se umas duas horas antes do acto sexual. Outra consiste, simplesmente, em masturbar-se até quase ao ponto de estar quase a ejacular e parar. Ao repetir este processo diariamente, poderá desenvolver a capacidade de controlar eficazmente a ejaculação, acabando assim definitivamente com o problema de precocidade.

Verifique também

A relação entre o Tabaco e a Impotência Sexual

A relação entre o Tabaco e a Impotência Sexual

Os efeitos nocivos do tabaco vão muito para além do tão popularizado cancro dos pulmões. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.