Home » Causas e Sintomas » Impotência Sexual Psicológica – Causas e Tratamentos
Impotência Sexual Psicológica - Causas e Tratamentos

Impotência Sexual Psicológica – Causas e Tratamentos

A Impotência Sexual é um problema que, apesar de se manifestar a nível físico, frequentemente tem causas psicológicas. Quando esta complicação física deriva de instabilidade de carácter psicológico, a cura e o diagnóstico podem revelar-se muito mais difíceis de se alcançar, contribuindo assim para que, o tratamento eficaz do problema, se possa transformar num verdadeiro desafio.

A Impotência Sexual Psicológica tende a caracteriza-se como sendo de difícil tratamento, pois o diagnóstico da mesma implica uma excelente colaboração entre um bom especialista de saúde e o seu paciente. Ao contrário da Impotência fomentada por complicações físicas, a disfunção eréctil de natureza psicológica não pode, geralmente, ser tratada apenas com a ingestão de medicamentos, havendo, frequentemente, a necessidade de realização de mudanças a nível comportamental, devidamente acompanhadas por um especialista da área. Numa boa parte dos casos, medicação não exercerá qualquer efeito no desempenho sexual do paciente, podendo até piorar a situação.

Principais causas da Impotência Sexual Psicológica

As causas deste problema de natureza psicológica são muitas, e por vezes chegam mesmo a actuar em conjunto, o que apenas vem contribuir para dificultar ainda mais o seu diagnóstico. No entanto, existe um pequeno conjunto de factores que é, na maior parte das vezes, responsável pelo desenvolvimento de problemas de Impotência Sexual Psicológica, por isso de seguida deixaremos uma pequena lista que poderá ajudá-lo a ter uma ideia das possíveis causas do seu mau desempenho sexual:

Stress

O stress revela-se, muitas vezes, como o principal potenciador de diversos tipos de problemas físicos, entre eles a impotência sexual psicológica. O stress, por sua vez, pode ser o resultado de confrontos familiares, dificuldades financeiras e até problemas no local de trabalho. Estudos revelam que o stress, quando em níveis muito elevados pode, de facto, comprometer a performance sexual de um Homem, dando assim origem a dificuldades em manter uma erecção.

Ansiedade

É frequente um Homem sentir um determinado nível de ansiedade antes do acto sexual em si, principalmente se sofrer de problemas de auto-estima. Esta ansiedade deriva, muitas vezes, do medo de não conseguir desempenhar eficientemente determinadas funções sexuais, o que acaba por contribuir para o desenvolvimento de problemas de erecção. A ansiedade sexual é mais comum em Homens que não mantenham contacto íntimo muito frequente com Mulheres, e por isso acabam por desenvolver um sentimento de insegurança relativamente às suas capacidades.

Depressão

A depressão também está, muitas vezes, associada ao mau desempenho sexual. Neste caso, a situação mais comum está relacionada com os fármacos e medicamentos que costumam ser prescritos para o tratamento da depressão. Estes medicamentos são, muitas vezes, responsáveis por efeitos secundários assustadores, entre eles a disfunção eréctil.

Ausência de atracção

A ausência de atracção física pela pessoa com quem se pratica o acto sexual também pode originar situações de má performance sexual. Este cenário é comum entre pessoas que estão juntas há já muitos anos e pode revelar-se de difícil resolução. Também é difícil diagnosticar o problema nestes casos, uma vez que muitos Homens tendem a encarar a situação como tabu, evitando assim mencioná-la.

Tratamento da Impotência Sexual Psicológica

Após diagnosticadas as causas dos seus problemas de Impotência Sexual, o seu médico deverá encaminhá-lo para um terapeuta especialista na área para que, em conjunto, possa ser encontrada uma solução viável para o seu problema. Actividades como meditação e exercício físico também poderão revelar-se de grande utilidade no combate a alguns dos principais factores psicológicos responsáveis pela disfunção eréctil, como é o caso do stress. Rever a sua alimentação também poderá, muitas vezes, ajudar a contornar o problema. No entanto, será sempre necessário entender as causas deste desequilíbrio e aprender a lidar com elas através de um reajustamento do seu comportamento e estilo de vida. Todos estes passos deverão ser tomados com a ajuda de um bom especialista na área.

Verifique também

stress impotencia

O Stress e a Impotência Sexual

O stress representa um dos maiores responsáveis por o aparecimento de disfunções de carácter sexual …

2 Comentários

  1. André oliveira

    Estou tendo um problema de disfunção de ordem psicológica, pois fiz os exames que o endocrinologista passou e estavam tudo normal.
    Ele também me disse que era bom ir ao urologista. Também ele me disse que eu procurasse relaxar e não encucar e nem se sentir culpado, pois isso agrava a situação. Mas o problema também é que minha esposa não me ajuda, so me recrimina e não sei como conversar com ela para fazê-la entender a situação e me ajudar.

    • Olá André.

      A grande maioria dos problemas de Disfunção Erétil são exatamente causados por factor psicológico ( má experiência sexual, ansiedade, cansaço, etc ). Neste tipo de situações a abertura com a parceira é fundamental para ultrapassar esta fase. Não obstante, procure a ajuda de um urologista que o poderá aconselhar da melhor forma.
      Relembramos que existem também medicamentos que são usados de forma eficaz por homens na sua situação, permitindo a obtenção de erecção firme e duradoura para um ato sexual satisfatório
      Exemplos:
      https://www.impotencia.pt/cialis/
      https://www.impotencia.pt/viagra/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.