Home » Causas e Sintomas » Medicamentos que podem causar a impotência sexual
Medicamentos que podem causar a impotência sexual

Medicamentos que podem causar a impotência sexual

Os compostos químicos presentes em diversos medicamentos podem dar origem a sérios problemas de saúde de difícil tratamento. Os seus efeitos adversos, que podem manifestar-se de forma extremamente severa em certos pacientes, frequentemente contribuem para dar origem a problemas como a impotência sexual, que em muitos casos pode acabar por revelar-se permanente.

Que medicamentos originam impotência sexual?

Ao todo, são centenas os medicamentos conhecidos por exercer um impacto negativo na performance sexual do Homem e da Mulher. Em muitos casos, estes efeitos adversos no desempenho sexual desaparecem assim que a utilização do medicamento é interrompida, mas há casos em que o problema pode revelar-se permanente caso não seja diagnosticado a tempo e devidamente tratado.

Como prevenir?

A melhor forma de prevenir que um medicamento interfira com a qualidade da sua vida sexual é informar-se aprofundadamente em relação às contra-indicações e possíveis efeitos adversos do mesmo. Nunca tome nada sem estar perfeitamente consciente do impacto que tal poderá ter na sua saúde. Muitos dos casos de impotência sexual gerados por fármacos podiam ser facilmente evitados caso quem os toma prestasse um pouco mais de atenção às precauções recomendadas aquando a utilização dos mesmos. É importante, também, certificar-se de que o medicamento que irá tomar não causará reacções alérgicas quando combinado com outros fármacos. Tomar diversos medicamentos incompatíveis ao mesmo tempo pode favorecer o aparecimento de distúrbios de carácter sexual, entre muitos outros problemas gravíssimos de saúde.

Como diagnosticar?

Diagnosticar se um cenário de impotência sexual está a ser causado pela utilização de algum medicamento é relativamente fácil. O recomendado é que consulte de imediato o seu médico, de modo a que o mesmo possa esclarecê-lo relativamente à possibilidade de algum fármaco que esteja a utilizar poder estar na origem do seu distúrbio sexual. Caso tal se verifique, o médico tentará encontrar uma alternativa para o tratamento dos seus problemas de saúde que não interfira com a qualidade da sua vida sexual. Dependendo muito do seu estado de saúde, tal poderá ou não revelar-se possível. Mas o importante é manter o seu médico sempre devidamente informado em relação a quaisquer complicações de ordem sexual que possa vir a experienciar, na sequência da utilização de um determinado medicamento.

Quais os tipos de medicamentos mais arriscados?

Como referido anteriormente, imensos são os medicamentos que podem, de alguma forma, exercer um impacto negativo na qualidade da sua vida sexual. Eis alguns dos tipos de medicamentos mais conhecidos por exercerem tal efeito na saúde do Homem e da Mulher:

– Medicamentos para o tratamento da depressão, como é o caso de antidepressivos e ansiolíticos, entre eles a fenotiazina.

– Medicamentos utilizados para controlar a pressão arterial.

– Medicamentos para o tratamento da doença de Parkinson e outros distúrbios neurológicos.

– Medicamentos como a cemetidina, utilizados particularmente no tratamento de doenças gastrointestinais.

– Medicamentos direccionados para o tratamento de diversos tipos de alergias.

Se tem experienciado dificuldades no seu desempenho sexual e costuma tomar medicamentos como estes, então existe uma forte probabilidade dos seus distúrbios sexuais estarem directamente relacionados como a utilização dos fármacos em questão.

 

Verifique também

Ejaculação precoce: Quais as causas

Ejaculação precoce: Quais as causas

A ejaculação precoce é um problema que a maioria dos Homens já experienciou pelo menos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.