Home » Causas e Sintomas » O Stress e a Impotência Sexual
stress impotencia

O Stress e a Impotência Sexual

O stress representa um dos maiores responsáveis por o aparecimento de disfunções de carácter sexual como a impotência. Capaz de favorecer o desenvolvimento de um número extremamente vasto de problemas de saúde, o stress é uma complicação psicológica de difícil tratamento, que hoje em dia afecta uma percentagem elevadíssima da população.

A impotência sexual pode ser causada por factores físicos, psicológicos, ou até por uma combinação de ambos, que actuando em conjunto contribuem para o desenvolvimento deste e de outros problemas de natureza semelhante. Estima-se que, a nível geral, cerca de 50% dos casos de impotência sexual sejam potenciados pela acumulação de elevadíssimos níveis de stress. Esta percentagem é ainda mais esmagadora na faixa etária dos 18 aos 29. Acredita-se que mais de 80% dos casos de impotência masculina nesta faixa etária possuam uma correlação directa com o stress, bem como outros factores psicológicos.

A relação entre o stress e a impotência

stress impotencia

O stress tende a ser um dos principais responsáveis pela produção excessiva de adrenalina. A adrenalina, por sua vez, contribui para inibir o óxido nítrico, que desempenha um papel importantíssimo no processo de erecção, uma vez que actua no sentido de dilatar as artérias e relaxar os músculos do órgão sexual, favorecendo assim o enrijecimento do mesmo Uma boa percentagem dos casos de disfunção eréctil estão relacionados com incapacidade do óxido nítrico agir como deveria, o que acaba por dificultar imenso a obtenção de uma erecção passível de possibilitar consumação do acto sexual.

Para além da impotência sexual, o stress pode fomentar o aparecimento de outros problemas de carácter semelhante, como é o caso da ejaculação precoce e da perda de libido. Principalmente em idades mais avançadas, o stress actua em conjunto com outras complicações de natureza física, como é o caso da diabetes, contribuindo assim para agravar ainda mais o problema e dificultar o seu tratamento.

Quais as principais causas?

Nem sempre é possível determinar correctamente as causas do stress, uma vez que podem estar associadas a muitos factores completamente distintos. Em geral, as preocupações contribuem muito activamente para elevar de forma drástica os níveis de stress, favorecendo assim o desenvolvimento de problemas relacionados.

Preocupações familiares e laborais tendem a ocupar o topo da lista de factores que mais contribuem para o desenvolvimento de stress. A ansiedade e preocupação com o acto sexual também tende a gerar algum stress. Muitos Homens não se sentem suficientemente confiantes relativamente às suas capacidades sexuais, o que acaba por dificultar o seu relaxamento durante o acto. Em muitos casos, isto pode levar à dificuldade em manter uma erecção. 

Ainda que o trabalho excessivo e a falta de descanso estejam popularmente associados ao stress, diversos estudos têm vindo a concluir que, o sedentarismo, pode desempenhar um papel igualmente importante no aparecimento deste problema.

Como determinar se o stress é a causa da impotência?

Para determinar se o stress constitui ou não a causa do seu problema de impotência, é importante estar atento aos sinais do seu corpo. O stress tende a originar sintomas como o cansaço extremo, nervosismo, ansiedade, impaciência, irritabilidade, dificuldade de concentração, problemas de memória, crises gastrointestinais, insónia, asma, queda de cabelo e alergias. Se tem experienciado alguns destes sintomas em conjunto, é muito provável que o stress esteja na causa da sua dificuldade em manter uma erecção.

No entanto, a forma mais eficiente de determinar os factores que estão a contribuir para o seu mau desempenho sexual é procurar um médico especialista na área. O seu médico indicar-lhe-á diversos exames que avaliarão o estado da sua saúde física. Se os exames concluírem que não há nada de errado com o seu corpo, então o mais provável é que a impotência esteja a ser causada por factores psicológicos.

 Como tratar?

O tratamento da impotência sexual causada por stress irá depender imenso das características do paciente e da severidade da disfunção. Em alguns casos, o médico poderá receitar-lhe alguns medicamentos, bem como acompanhamento terapêutico. Noutros, poderá apenas recomendar-lhe uma revisão de todo o seu estilo de vida, uma vez que isso, por vezes, é o suficiente para colocar um ponto final ao problema, principalmente entre os mais jovens.

Para quem sofre de stress, é recomendado que comece a apostar em actividades de relaxamento. Pratique actividade física com alguma regularidade, de forma moderada, dedique mais tempo a actividades de lazer, tais como ler um livro, ver um filme, ou simplesmente passar tempo com a família. Dê tempo a si mesmo para relaxar, isso e se possível, submeta-se a uma massagem de relaxamento com alguma regularidade. Tenha cuidado com o número de horas que trabalha e certifica-se que está a reservar tempo suficiente para descansar.

Tenha, também, atenção ao número de horas que dorme. Dormir menos de 7 horas poderá exercer um impacto bastante negativo no seu cérebro, potenciando assim o aparecimento de distúrbios como o stress.

Vale a pena referir que não deverá nunca ignorar a importância de uma boa alimentação. A saúde do seu corpo está altamente dependente de uma boa rotina alimentar, e problemas como o stress podem, também, ser agravados pela ausência dos nutrientes necessários à manutenção eficaz de todas as funções do organismo. Se fumar ou beber, certifique-se de que acaba com este mau hábito o mais rapidamente possível, pois sem isso será difícil ultrapassar este problema que, muitas vezes, pode revelar-se extremamente persistente.

Verifique também

Ejaculação precoce: Quais as causas

Ejaculação precoce: Quais as causas

A ejaculação precoce é um problema que a maioria dos Homens já experienciou pelo menos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.